Se você quer, você pode.

Liberdade é confiar em si mesmo e saber que seu potencial de atuação é limitado apenas por uma pessoa: você!

Quantas vezes você já se viu numa situação em que tem que tomar uma decisão e não toma?

Aquela voz interna, que eu chamo de caraminhola, começa a falar bem alto dentro de você e uma decisão que deveria ser fácil, se transforma num problema imenso, com muitas possibilidades e nenhuma solução.

Quanto mais você se conhece e sabe de seus reais limites (sem a avaliação “tosca” da caraminhola), mais facilmente você consegue perceber o caminho a seguir para chegar onde quer.

Autoconhecimento é conhecer seus potenciais mais e menos favoráveis, aprendendo que decidir é uma atitude que pertence exclusivamente a você.  É possível que algumas pessoas interfiram e deem suas opiniões (nem sempre pedidas, é verdade) ou mostrem seus pontos de vista, lhe ajudando a avaliar a situação, mas a decisão final precisa ser sua. Quase sempre.

Por isso, entender o que o limita, avaliar e elaborar as possibilidades e agir da maneira mais pessoal possível é o que certamente o deixará mais realizado, seja em que assunto for, desde a decisão vá de acordo com o que você almeja.

Quando algo não vai bem na vida é fundamental pensar nisso e trabalhar a autoestima para que você confie em si mesmo e perceba onde quer chegar.
Uma vida satisfatória é feita de momentos de liberdade para escolher até onde você quer chegar!

 

sequerpodedetermina

Related posts

Leave a Comment